27
Mai
Cílios de boneca: 5 dicas de maquiagem para cílios mais longos
por: Marcéli Paulino
Beleza
Todas as mulheres que gostam de maquiagem, normalmente, prezam por cílios bem acabados, ou seja, que marquem presença no visual. E não é pra menos: os cílios são o toque final de toda maquiagem, das mais simples até as mais produzidas.

MAIS: Dicas para usar cílios postiços

Eu gosto bastante de marcar os cílios em qualquer make, por isso, resolvi reunir algumas dicas que descobri pesquisando e, também, por experiência própria, ao fazer a maquiagem do dia a dia. As dicas estão logo abaixo, para você que também quer alcançar o mesmo objetivo. Vamos lá?

beleza | dicas de beleza | cílios | alongamento de cílios com maquiagem | cílios postiços | rímel | dicas para usar rímel | cílios de boneca

Imagens: NARS - Pinterest, reprodução.

#1 - USE O CURVEX
Até para vezes em que não vou aplicar máscara para cílios, eu uso o curvex. Ele foi uma das melhores invenções do segmento de maquiagem, porque, além de deixá-los viradinhos, como cílios de boneca, penteia-os e deixa-os arrumadinhos, mesmo quando estão sem rímel.

#2 - RÍMEL CERTO
Na hora de aplicar o rímel, escolha um modelo de aplicador fino e com cerdas espaçadas. Se fizer a aplicação do produto após o uso do curvex, o efeito é ainda melhor.

#3 - APLIQUE A MÁSCARA DA RAIZ ÀS PONTAS 
Na hora da aplicação do rímel (também chamado de máscara), comece da raiz e vá para as pontas, como se estivesse penteando os fios. Além disso, o efeito fica melhor quando você faz a aplicação na parte superior e não inferior.

#4 - CÍLIOS POSTIÇOS
Para quem gosta de usar cílios postiços, é preciso atentar para alguns detalhes na hora da aplicação, que fazem toda diferença: para aplicar a cola nos cílios, faça uso de uma pinça, para segurá-los e, com um palito de dente, aplique a cola aos pouquinhos, na borda. Aguarde um pouco para que a cola crie consistência e, com a ajuda da pinça, coloque os cílios falsos rente aos verdadeiros. É importante, também, segurá-los um pouco no local onde você deseja que eles fiquem presos, para dar o tempo da cola secar.

#5- DOUBLE APLICAÇÃO
Para quem faz uso só de rímel, uma coisa que descobri no dia a dia é que fazer uma "double aplicação" ajuda a engrossar e alongar os fios. Após fazer a primeira aplicação, espere um pouquinho para o rímel secar. Em seguida, repita a aplicação e finalize-a colocando o rímel na vertical, dando leves batidinhas espaçadas nos fios. O efeito é alongador e faz parecer que eles são mais cheios.

Aproveita que a noite de sexta está aí para testar essas dicas! Depois me conta se deu certo!! Beijos,

Marcéli Paulino
Deixe seu comentário!
26
Mai
É proibido criar expectativas
por: Marcéli Paulino
Relacionamento
Eu odeio - de verdade - começar qualquer frase com esta palavra: proibido. Mas, hoje, infelizmente (ou seria felizmente?) isto se tornou necessário, pelo simples fato de que expectativa é um dos males da humanidade, cheguei à conclusão.

Já escrevi outros posts mencionando esse problema e sempre caio no mesmo paradoxo: ao passo que expectativas são ruins e não devem ser criadas, é impossível NÃO criá-las. 

relacionamento | expectativa | expectativa x realidade | dicas de relacionamento | amor próprio | fé | fé em si mesmo


Só que hoje, o intuito desse post é tratamento de choque, diferente dos outros que já escrevi. De tanto quebrar a cara com as mesmas coisas e me encontrar em situações iguais com pessoas diferentes, eu decidi que, para entrar na minha cabeça, de uma vez por todas, o quanto isto é ruim, tenho que ser radical na questão e me proibir de criar a "maledeta". Se você se encontra na mesma situação, vem comigo.

O termo "criar expectativa", às vezes, se camufla por trás da expressão "esperar algo". Quando esperamos alguma coisa - que aconteça ou que não aconteça - já estamos idiotamente treinando nosso cérebro para encarar um tipo de resultado - o que, normalmente, NÃO acontece. Ou seja, trocado em miúdos, estamos nos iludindo. E o que ganhamos com isso? Frustração.
Se tem uma solução pra isso? Eu ainda estou avaliando, mediante minha pouca experiência de vida. Mas, para ajudar a mim mesma e a você, que está lendo, eu tenho algumas pistas. Vou citá-las em formato de perguntas, que fica mais fácil e mais claro de ser lido e de ser compreendido.

- Por que esperar algo dos outros é ruim?
Minha mãe sempre diz que a gente deve esperar pelo pior. Porque, com o bom é fácil de se acostumar e, com o ruim, não. Então, se esperamos pelo pior e o melhor acontece, é de boa aceitar. Se, por outro lado, esperamos o melhor e o pior acontece, é devastador. Agora: se esperamos pelo pior e o pior acontece, ao menos, já estávamos nos preparando (não que isto torne a coisa menos devastadora, mas, enfim). O fato é: colocar esperança/expectativa em outras pessoas é furada porque, muitas vezes, nem nós mesmos conseguimos cumprir nossas próprias expectativas. Em se tratando de ser humano, cheio de incertezas, de não-exatidões, de questões relativas, é suicídio emocional depositar expectativa em alguém. E quando digo "alguém", me refiro a todo mundo. Família, amigos, amores, todo mundo. Inclusive você mesmo.

Aí você me pergunta: "então tenho que viver esperando o pior e pensando no pior sempre?" e eu digo: não. Não precisa se transformar num ser terrivelmente pessimista, que vive no fundo do poço, sem perspectiva alguma. Basta você ter em mente que as pessoas falham, que nós mesmos falhamos e que, toda vez que você planejar uma coisa, existe uma grande possibilidade de esta coisa não sair da forma como você planejou. Se você se preparar para a decepção, a hora em que ela aparecer não lhe será tão dolorido.

É como uma boxeadora: ela caleja as mãos no treino, socando os sacos, dando murros. Quando chega o momento da luta e ela leva aquela pancada onde está calejado, não dói tanto. Vai colocar uma pessoa sem treino em uma luta, para você ver o estrago. Bem maior! Metaforicamente falando, é a mesma coisa. Se você treinar seu cérebro para várias possibilidades e se preparar para encarar qualquer uma delas, a pancada não será tão grande e você conseguirá lidar melhor com o efeito dela.

- Pensar positivo é criar expectativa?
A meu ver, não. Já me perguntaram isso antes e eu achei a questão bem relevante, porque, grande parte das pessoas confunde pensar positivo com se iludir. São coisas diferentes: quando você se ilude, você fecha os olhos para a realidade da situação, independente de qual ela seja, e enxerga apenas o que você quer, da forma que lhe é mais favorável. Quando você pensa positivo, você tem consciência da realidade em que está, favorável ou não, mas, você não aceita se deixar abater pelos problemas e tenta olhá-los com os melhores olhos que puder - seja para encará-los, seja para tentar resolvê-los.

- Como não criar expectativa mediante uma situação?
É mais ou menos a mesma coisa da primeira pergunta: situações são criadas por nós, seres humanos, e seres humanos são cheios de falhas, de incertezas. de poréns. Se a gente precisa controlar a expectativa mediante as pessoas, que dirá situações que não estão sob o nosso controle. Aliás: não creio que exista alguma situação que esteja sob nosso controle. Nada está. Poderia dizer que só temos controle sobre nós mesmos, mas, às vezes, até disso eu duvido. Não precisa esperar pelo pior; você pode desejar que o melhor aconteça, mas, precisa ter nítido em sua mente que outra coisa pode acontecer e que pode não ser o que você quer. Quase nunca será como você quer, essa é a verdade. Mas, enfim: se prepare para tudo. Este, creio eu, é o caminho.

relacionamento | expectativa | expectativa x realidade | dicas de relacionamento | amor próprio | fé | fé em si mesmo


Espere por NADA
Vou contar uma coisa que já vivenciei mais de uma vez: normalmente, quando não estamos esperando nada é que as coisas acontecem. Basta você vegetar no seu canto, esperando por nada que - PLIM! - algo legal acontece. Dos exemplos mais bobos aos menos: eu um dia, passeando pelo shopping, sem pretensão de comprar nada, avisto uma promoção daquelas absurdas, dando a peça "de graça", de uma roupa que queria muito, há muito tempo e que nunca tinha comprado por ser cara. Ou, como uma vez, em que eu queria muito assistir a um filme que nunca mais passou na TV e, de repente, eu de bobeira deitada no sofá da sala, me deparo justamente com o filme que eu queria ver.

Ou, como outra vez, em que estava mexendo no celular, de bobeira, e subiu uma mensagem de uma pessoa com quem eu queria muito falar, há tempos, mas nunca conseguia - ou ela nunca podia falar comigo por estar ocupada ou sei lá (adendo: nestes casos, já aconteceu de eu fazer a amarga e não querer falar mais, risos). 
Já aconteceu tanta coisa em momentos que não esperava por nada e, com certeza, já aconteceu com você também. Você pode não se lembrar, mas já aconteceu. Devemos focar nestas memórias para reforçar em nossa cabeça que esperar por nada é a melhor solução para não quebrar a cara.

Vai chegar o feriado? O fim de semana? Legal, não planejei nada, deixa a vida me levar. Tipo isso, sabe? Eu sempre fui a louca dos planejamentos. Quando estava solteira, já falava com as minhas amigas no começo da semana, alguns dias antes do feriado, para resolver aonde íamos, o que íamos fazer - e nem todo mundo gosta de planejar as coisas. Pra quem é organizada, como eu, isto é o fim do mundo, mas,  a gente tem que entender que nem todos são como nós. E respeitar o jeito dos outros, fazer o que. Às vezes dava briga, porque eu tinha amigas que não queriam combinar nada e deixar para resolver na hora.

Em relacionamentos, também sou assim: detesto fazer coisa de última hora - sempre tive a impressão de que parece que não teve nada melhor pra fazer e aí lembrou que tem namorado(a), sabe? Mas, tem pessoas que são assim, volto a dizer. Depois de bater a cabeça algumas vezes, resolvi que preciso de alguém que goste de planejar algo junto comigo, porque isso é algo que me incomoda, caso não exista. E, bem, tamos aí, né. Trabalhando nesse intuito. 

Em suma: se você evitar fazer planos ou, ainda que os faça, ter em mente que eles podem não dar certo, sua vida será menos chata, porque você vai se decepcionar bem menos vezes - ou, ao menos, vai saber lidar melhor com as decepções. Porque, pra falar a verdade, as pessoas não têm culpa da expectativa que você coloca nelas - a menos que sejam situações muito específicas. A vida sempre tem uma surpresa ou uma piadola para jogar na nossa cara e, quer queira, quer não, temos que estar preparados para todas elas. 

relacionamento | expectativa | expectativa x realidade | dicas de relacionamento | amor próprio | fé | fé em si mesmo

Imagens: Tumblr [reprodução].

Aquele velho jargão: ore pelo melhor, prepare-se pelo pior... e encare o que vier - com dignidade!

Beijos e até o próximo textão!

Marcéli Paulino
Deixe seu comentário!
25
Mai
Sapato branco feminino: como usar?
por: Marcéli Paulino
Moda
Estereotipado pelo uso das noivas e olhado com certa dúvida por várias gerações, o sapato branco foi promovido a sapato-tendência há algumas temporadas. Como tudo por aqui pelo Brasil demora um tempo até finalmente ser aceito pela massa, só agora dá para ver um look aqui, outro ali com a peça.

A grande dúvida da maioria das pessoas é: dá para usar sem parecer "noiva", ou algum profissional da área da saúde? A resposta é: "claro!". Vamos ver algumas opções.


MAIS: 5 produtos de beleza favoritos para o inverno

ESCARPINS

O scarpin é o modelo que mais causa estranhamento aos olhos, justamente, por conta dos "looks de noiva", dos quais ele sempre fez parte. O lance, para não parecer tão estranho, é investir em modelos diferentes - com fivelas e acabamentos metálicos, por exemplo -, e usar peças de roupas e acessórios igualmente modernos.
moda | moda 2016 | dicas de moda | sapato branco feminino | sapato branco | passarela | scarpin branco | como usar sapato branco

SANDÁLIAS
Outros modelos também aparecem, cada vez mais, na cor branca - como a sandália de plataforma tratorada, as sandálias de tiras e os sapatos com fivelas que deixam o pé bem à mostra. Seus formatos atuais servem para deixar de lado esse estereótipo de "casamento" ou "profissional da saúde".
moda | moda 2016 | dicas de moda | sapato branco feminino | sapato branco | passarela | scarpin branco | como usar sapato branco

TÊNIS
De todos os modelos de sapatos na cor branca, o tênis é o mais bem aceito. E os motivos são bem óbvios: gera conforto, é fofo e descontrai qualquer visual mais sóbrio. Dá para usar, inclusive, com saias e vestidos (adoro!).
moda | moda 2016 | dicas de moda | sapato branco feminino | sapato branco | passarela | scarpin branco | como usar sapato branco

Há algumas temporadas os modelos de sapato branco foram lançados nas passarelas de nomes como Alexander Wang, Phillip Lim e Isabel Marant. Os designers aderiram à cor para alguns modelos de suas coleções, tirando totalmente a "caretice" da cor branca com suas apostas super modernas.

moda | moda 2016 | dicas de moda | sapato branco feminino | sapato branco | passarela | scarpin branco | como usar sapato branco

VANTAGENS
- Alonga a silhueta de peles branquinhas;
- É uma cor neutra, o que facilita combinação em diversas produções e cores, para não dizer todas; 
- É leve e combina bem com a atmosfera do nosso verão;
- Entra como cor queridinha do inverno também, principalmente, no cenário internacional.


DESVANTAGENS
- Suja com facilidade;
- Apesar de ser uma cor neutra, combinar com o restante do look também branco pode tornar seu visual 'over';
- Você pode ser confundido(a) com profissionais da área da saúde, se não atentar para a combinação no look.

moda | moda 2016 | dicas de moda | sapato branco feminino | sapato branco | passarela | scarpin branco | como usar sapato branco

DICA EXTRA: O branco é subestimado e, muitas vezes, encarado como "cor fácil" de usar, o que não é verdade. É necessário uma dose extra de informação de moda para aderir a ele, principalmente, em sapatos. Uma maneira mais acertiva é combiná-lo a estampas gráficas e a cores e modelagens atuais - além de bons acessórios, como falei anteriormente. 

E aí, se convenceu a tentar ou ainda tem dúvidas? Conta para mim nos comentários!

Beijos e até a próxima,

Marcéli Paulino
Deixe seu comentário!
24
Mai
Depilação a laser: passo a passo do tratamento e como funciona
por: Marcéli Paulino
Beleza
Confesso que depilação nunca foi um segmento pelo qual me interessei muito. Primeiro, porque é uma técnica que costuma doer - e odeio coisas que me fazem sentir dor - e, segundo, porque nunca me dei bem com nenhum tipo de depilação. Há muito tempo, tentei tratamentos com cêra quente, fria, com bala de mel... O resultado era sempre o mesmo: bolinhas e pipocas mil ao longo de toda perna.

Foi quando resolvi largar tudo de mão e fazer uso da gilete - até hoje. 

MAIS: 5 erros para não cometer ao lavar a pele do rosto

Foi então que eu resolvi testar a tão falada "depilação a laser", da qual eu tinha muito medo, confesso, mas que muito do que já ouvi não passa de lenda. O tratamento que comecei é na Beauty Club, em Santos, e aqui eu vou contar o passo a passo e tentar sanar todas as dúvidas possíveis para vocês.

O TRATAMENTO E A APARELHAGEM
O pacote que comecei inclui a depilação a laser nas axilas, na virilha e em meia perna. A máquina da clínica é de laser à base de Diodo Milesman, técnica de última geração no mercado, muito mais indolor e eficaz que as demais.

Antes de começar, você precisa preencher um formulário com seus dados e responder a um questionário (mostrei tudo no snap!) contando se tem algum tipo de alergia, se toma alguma medicação e coisas do gênero. Um dia anterior à primeira sessão é preciso raspar com gilete as regiões onde você vai usar o laser e deixar a área da pele o mais lisa possível - isso vai facilitar o trabalho do laser e tornar o procedimento mais indolor ainda.

beleza | depilação a laser | depilação | depilação a laser preço | depilação a laser | depilação a laser meia perna | depilação a laser axila

A primeira região onde comecei foi a axila. Não sei se é porque costumo raspar bastante e, por isso, não possui nenhum pêlo aparente ou se simplesmente a região é mais fácil, mas, não sentir dor nenhuma. A única sensação é de uma picadinha de mosquito mínima, completamente suportável.

Esses pontinhos pretos na imagem acima são casquinhas que ocasionalmente formam, devido à queimadura que o laser faz no pêlo. Elas saem com o tempo e, caso você sinta incomodar, basta fazer uso de Bepantol.

beleza | depilação a laser | depilação | depilação a laser preço | depilação a laser | depilação a laser meia perna | depilação a laser axila

A virilha foi o local mais dolorido. A pele da região é naturalmente mais sensível e, no meu caso, que tenho o pêlo grosso, precisava ter raspado com a gilete de forma mais rente. Mas sobrevivi e deu tudo certo, risos.

Na perna, a esteticista passa um gel bem geladinho antes de começar a usar o laser, para que o aparelho deslize sobre a região. A aplicação do laser aí é diferente em relação às outras áreas: enquanto, nos demais locais, ela tira e coloca o laser, nesta, ela desliza direto, do começo da perna até o final. 

beleza | depilação a laser | depilação | depilação a laser preço | depilação a laser | depilação a laser meia perna | depilação a laser axila

Eu nem posso dizer que dói: o máximo que você sente são umas formigadinhas. Totalmente suportável - e levem em conta que eu sou mega medrosa com dor. 

beleza | depilação a laser | depilação | depilação a laser preço | depilação a laser | depilação a laser meia perna | depilação a laser axila

Depois de passar o laser na frente e na parte posterior da meia perna, o resultado é esse que vocês conferem na foto abaixo. Perna lisinha, sem um fio aparente.

beleza | depilação a laser | depilação | depilação a laser preço | depilação a laser | depilação a laser meia perna | depilação a laser axila

Fotos por Edeli Paulino.

DÚVIDAS FREQUENTES

1. Dói?
Depende. Como eu disse ao longo do post, algumas regiões são mais sensíveis que outras. Eu, particularmente, só senti uma dor mais chata na virilha - e digo "dor", mas, na verdade, é um ardorzinho mais forte. Na axila esse ardor é zero e, na meia perna, um formigamento mínimo, completamente suportável - volto a dizer que me borro de dor e até evito fazer coisas por conta de não querer sofrer. Ou seja, é bem tranquilo.

2. Qualquer pessoa pode fazer?
Não. O mais indicado é para peles mais claras e pêlos mais escuros (meu caso!). Pêlos loiros ou brancos não são reconhecidos pelo laser e, portanto, o tratamento neles não funciona. Peles negras também dificultam a eficácia do tratamento por conta da melanina, o que pode exigir mais de 8 sessões, além do recomendado.

3. A pele queima?
Não. O aparelho do laser foi criado para reconhecer apenas os pêlos existentes abaixo da derme, ou seja, a luz do laser pode encostar tranquilamente na pele que nada acontece. A única coisa que queima é o próprio pêlo - por isso, aquele ardorzinho que você sente em algumas regiões.

4. O pêlo volta a crescer?
Não - mas, para isso, é necessário fazer, no mínimo, 8 sessões, com intervalos de 45 dias entre cada uma delas. A cada sessão, são eliminados de 10% a 15% da região tratada. Alterações hormonais que acontecem, por exemplo, com a idade ou o uso de remédios podem fazer com que o organismo produza pêlos na região tratada, o que é algo difícil de acontecer, mas, não impossível.

5. Qual o valor do tratamento?
Na Beauty Club, cada região/pacote tem um valor diferente, que varia entre R$789,00 e R$3.119,00. Vale ficar de olho no site e nas redes sociais da clínica, para conferir as promoções que sempre rolam.

Abaixo, nas considerações, vocês conferem mais detalhes e orientações sobre o procedimento!

ANTES DA DEPILAÇÃO: INDICAÇÕES
- Evitar bronzeamento 2 semanas antes do tratamento, porque o procedimento não pode ser realizado na pele bronzeada;
- Não depilar as áreas tratadas com cera de depilação ou pinças no período de 30 dias antecedentes ao tratamento. Se desejar, utilize outros métodos de depilação (lâminas de barbear, por exemplo), que não retiram o pêlo pela raiz;
- Não aplique produtos de auto-bronzeamento no período de uma semana antecedente ao tratamento;
- Não descolorir a área do tratamento no período de quinze dias antes da aplicação;
- Não utilizar maquiagem, no dia do tratamento, na região a ser tratada;
- Não utilize cosméticos que tenham Ácido Glicólico, nem Acido Retinóico no período de três dias antes do tratamento (para o caso de usar laser no rosto);
- O tratamento é contra-indicado em pessoas que tenham se submetido ao uso oral de Roacutan, Tigasona, Neotigasona ou qualquer tratamento com lsotretinoína nos últimos seis meses, bem como em pessoas que nos últimos seis meses tenham submetido o local a ser depilado a algum tratamento a laser com Co2, Érbio Yag ou dermoabrasão;
- Antes do procedimento, a região a ser tratada deverá estar limpa e sem pêlos. Raspar os pêlos no dia anterior do tratamento ou conforme orientação da fisioterapeuta responsável pela aplicação;
- Usar protetor solar em áreas expostas à luz do Sol (isto não significa que você precisa passar protetor para ir ao mercado, por exemplo. No inverno, o Sol é mais ameno, e você pode dispensar o uso se seu tempo de permanência exposta for curto. Já no verão, o cuidado precisa ser maior).
 

 DEPOIS DA DEPILAÇÃO A LASER: RECOMENDAÇÕES
- É normal o aparecimento de efeitos secundários ocasionados pela depilação a laser, tais como: leve vermelhidão e/ou inflamação, hipopigmentação (manchas brancas), hiperpigmentação (manchas escuras) e pequenas erupções na região tratada, pelo prazo máximo de 72 horas. Isto varia de acordo com a textura do pêlo e do tom de pele;
- Raramente podem ocorrer escoriações (casquinhas na pele) que desprendem-se posteriormente, deixando a pele com hipopigmentação. Neste caso, a região levará um tempo maior para recuperar sua pigmentação normal - o que só ocorrerá com exposição à luz solar;
- Após o procedimento, os pelos irão crescer normalmente e, entre 15 e 20 dias, sairão facilmente de seus folículos (ou seja, ocorrerá uma queda, algo que é normal);
- A exposição ao Sol depois da aplicação só poderá ocorrer quando a pele estiver íntegra ou após 15 dias;
- Caso o paciente tenha alguma reação ao procedimento que perdure após as 72 horas, procurar  a clínica.

CRÉDITOS

BEAUTY CLUB
Av. Goitacazes, 4 - Sobreloja. Gonzaga, Santos SP.
Tel.: (13) 3385-9800
http://bclubsantos.com.br

PROFISSIONAL
Natricia Rosa Marinho - Esteticista e Fisioterapeuta
Crefito - 3 128918-F

Qualquer dúvida, sugestão ou demais comentários, só escrever aqui embaixo. Eu farei o pacote com 8 sessões, então, quem tiver interesse vai acompanhando meus posts por aqui, pelo Facebook (@marcelipaulinolindizzima) e pelo Snapchat (@marcelipaulino), porque eu vou contar todos dos detalhes e a evolução do procedimento. Beijos,

Marcéli Paulino

Deixe seu comentário!
23
Mai
Inverno 2016: 5 produtos de beleza favoritos da minha nécessaire
por: Marcéli Paulino
Beleza
Que cuidar da pele tanto no verão, quanto no inverno é importante a gente já sabe. E, apesar de beleza não ser lá tanto meu forte, eu adoro dar dicas de produtos cujo investimento eu acho super válido, mesmo que nem sempre eles sejam tão baratinhos.

Então, hoje, resolvi reunir meus 5 favoritos de cuidados com a pele e com o corpo para o inverno. Eles também podem ser usados no verão, claro, mas, no geral, seu aroma e textura combinam mais com o frio. Lá vai!

MAIS: Como cuidar dos cabelos de raiz oleosa e pontas secas

beleza | beleza na web | dicas de beleza | inverno 2016 | beleza inverno | lip balm | hidratante | beleza natural | perfume | body shop | nina ricci | shampoo a seco | sabonete

1. Serum Corporal Lolita, da Body Shop, R$ 79,00: O preço é salgadinho, eu sei. Mas, por ser não somente um hidratante comum e, sim, um serum corporal, é que este produto fez toda diferença na minha vida. Ao passo que minha pele do rosto é um poço de oleosidade, minha pele do corpo é ultra seca. Então, esse serum hidrata, principalmente, as regiões mais ásperas - axila, cotovelos, tornozelos e joelhos - e deixa um cheirinho maravilhoso. É meu creme corporal favorito há, pelo menos, uns três anos.

2. Sabonete em barra perfumados e sortidos, Cuide-se Bem, d'O Boticário, R$ 22,49: Sabonete cheiroso é comigo mesmo! Se tiver fator hidratante, então, melhor ainda!! Existem vários tipos de sabonetes que adoro, mas, ultimamente, tenho usado estes e tenho gostado bastante. Não é tão caro e, por vir 5 barras de 80g cada uma, dura quase o mês todo.

3. Lip Balm da Baby Lips, Maybelline, R$ 12,00: Este da imagem é o "Cherry Me", de cereja. Existem outros vários sabores e, se tem uma coisa que não dispenso no inverno, é hidratante labial. Este, da Maybelline, tem FPS 20, promove 8 horas de hidratação e recupera lábios rachados ou machucados em até 4 semanas. Sua fórmula, com centelha asiática, favorece a produção de colágeno, reparando a pele e deixando-a mais macia e suaves. Eu sempre passo à noite, antes de dormir e, muitas vezes, durante o dia - até uso-o como "primer labial", antes de aplicar algum batom.

4. Perfume "Nina", Nina Ricci, 80ml, R$ 120,00: gosto de perfumes mais suaves no verão. Já no inverno, aposto em aromas mais adocicados, como este, da Nina Ricci. Lembro que comprei um frasco de bolso, para testar se gostava e, logo depois, comprei o frasco maior, de 80ml. Pra mim, dura meses, pois como a fixação é bem forte, não há necessidade de "tomar banho" com ele; duas borrifadinhas são o suficiente. Tem sido meu perfume favorito, depois do Dolce & Gabbana 'The One' e do Dior 'Addict'.

5. Shampoo à seco Detox, Aspa, 260ml, R$ 24,50: O preço deste produto varia de acordo com o lugar onde você compra. Em Santos, encontrei por este preço na Artigo 180 - mesmo preço que o Batiste, só que o frasco do Aspa tinha quase o dobro da quantidade. Enfim, meu cabelo é extremamente oleoso na raiz, o que não me torna favorável lavá-lo todos os dias ou várias vezes por dia. Por isso, invisto sempre em um shampoo a seco, que limpa sem o uso de água e, o melhor, tira a oleosidade. Este detox é bem legal, porque dá um brilho extra aos fios, fazendo parecer que você acabou de sair do salão. Mas é claro que não vale ficar 1 semana sem lavar o cabelo, achando que vai alcançar esse efeito! Esse produto é para quebrar um galho com 1 dia sem lavar os fios, no máximo, 2! [Imagens: reprodução].

MAIS: Onde encontrar o batom preto

Gostaram das dicas? E você, tem algum produto queridinho de inverno?? Conta pra mim! 

Beijos,

Marcéli Paulino
Deixe seu comentário!